terça-feira, 2 de agosto de 2011

Avaliação da capacidade do sistema de levante hidráulico dos tratores

O sistema hidráulico de levante aos três pontos de um trator é responsável pela movimentação vertical de implementos agrícolas, através da transmissão de uma força por meio do fluxo de óleo sob pressão. Isso deve proporcionar uma capacidade de levante compatível com as necessidades do agricultor, que muitas vezes seleciona um trator apenas avaliando sua potência motora. Nesse contexto, o presente trabalho teve por objetivo avaliar o sistema hidráulico dos tratores agrícolas com tração dianteira auxiliar (TDA) conforme a sua classificação referente à potência, nas categorias  I, II, III e IV.

Para o estudo foi criado um banco com os dados com informações disponibilizadas por 9 marcas de tratores nacionais, totalizando 145 modelos. Avaliou-se os itens capacidade de levante (kg) e potência (kW), sendo a última classificada quanto sua classe.

Os resultados mostraram que para tratores da classe I a capacidade de levante variou de 5,859473 kN (597,5 kgf) a 20,59397 kN (2100 kgf); 12,74865 kN (1300 kgf) a 26,47796 kN (2700 kgf) na classe II; 32.50355 kN (3314,44 kgf) a 82.37586 kN (8400 kgf) na classe III e 56.87857 kN (5800 kgf) a 78.4532 kN (8000 kgf) na classe IV.

Portanto, existe uma variação bastante significativa na capacidade de levante entre tratores de uma mesma classe de potência, o que pode ser um fator decisivo na hora da aquisição.




1 comentários:

Postar um comentário

Por gentileza, ao final do comentário identifique-se (nome, profissão) e insira o nome de sua cidade e de seu estado. Obrigado.

Quaisquer dúvida e/ou sugestão entre em contato. Clique em "Fale conosco" no cabeçalho do blog.

Distribua

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More